MENUMENU

MIL Lisboa 2018: os concertos da secção de festival

por Arte-Factos em 24 Março, 2018 © Boogarins

A MIL Lisboa – Lisbon International Music Network é uma plataforma para análise crítica e descoberta de novos caminhos para a promoção musical, que tem por missão a valorização e a divulgação da música popular moderna de origem lusófona, tendo em vista a sua internacionalização. Nasceu em 2017 e regressa este ano nos dias 4, 5 e 6 de Abril ao coração da cidade.

Para além da convenção para profissionais (sabe mais aqui), o festival convidou artistas de diversas geografias e géneros para darem um rosto ao panorama musical actual.

O concerto de abertura está marcado para 4 de Abril, no espaço B’Leza, em que os Boogarins convidam ao palco PAUS, The Legendary Tigerman e Capitão Fausto para uma noite memorável.

Nos dias seguintes, 5 e 6 de Abril, as salas emblemáticas da baixa lisboeta Tokyo, Lounge, Rive Rouge, Viking, Europa, Sabotage e Musicbox, apresentam dezenas de artistas a conhecer, de diferentes nacionalidades:

  • Portugal: Iguana Garcia, Alek Rein, Mr Gallini, Ermo, The Poppers, Killimanjaro, Best Youth, El Señor, Nerve, Paraguaii, The Legendary Tigerman, Moullinex, Sampladélicos, Monday, Joana Guerra, Júlio Resende, Flugly, Process of Guilt, Galo Cant’as Duas, Sean Riley, Luís Severo, HHY & The Macumbas, Mighty Sands, Whales, Chinaskee e os Camponeses, Névoa, Bruno Pernadas, Keep Razors Sharp, Gonçalo
  • Brasil: Maurício Takara, Boogarins, O Gringo Sou Eu, Ricardo Dias Gomes, PLINT, Labaq, Cary or not Cary, Passo Largo, Aeromoças e Tenistas Russas, OPS
  • Angola: Diron Animal
  • Cabo Verde: Jay Moreira, Banda B’Leza
  • Espanha: Núria Graham, Candeleros, Voicello, The Zephyr Bones, Zulu Zulu
  • França: Chapelier Fou, Joon Moon, Corine, Ko Ko Mo, Elbi, Futuro Pelo
  • Noruega: Mokri, Toft, Dark Times
  • Bélgica: Phoenician Drive, Teme Tan, Le Motel
  • Itália: Black Snake Moan
  • Dinamarca: Captain Casablanca
  • Islândia: When ‘Airy Met Fairy
  • Canadá: L. Teez & AEON Seven

O programa com horários e distribuição de salas está disponível aqui, e os bilhetes estão à venda, com preços entre 25 e 35 euros.


sobre o autor

Arte-Factos

A Arte-Factos é uma revista online fundada em Abril de 2010 por um grupo de jovens interessados em cultura. (Ver mais artigos)

Partilha com os teus amigos