MENUMENU

Óscares 2017: As nomeações

por Bruno Ricardo em 24 Janeiro, 2017

Com 14 indicações, La La Land deu baile no anúncio das nomeações dos Óscares esta manhã. Feita através de vídeo pré-gravado online, o que quebrou com a pequena cerimónia em directo nos últimos anos, a Academia revelou os seus eleitos para este ano. Como era esperado, o musical de Damien Chazelle dominou por completo, conseguindo igualar um recorde detido por Titanic e All About Eve, o que é histórico e confirma que este é o alvo a abater. Para além de nomeações em quase todas as categorias técnicas (só faltou melhor caracterização), conseguiu o chamado Big Five: filme, argumento, realizador e as duas categorias principais de representação – com Emma Stone e Ryan Gosling. Seguem-se, na lista de filmes mais nomeados, Arrival e Moonlight, ambos com 8 nomeações cada um e que poderão ser os grandes rivais na noite de 26 de Fevereiro, quando acontecer a cerimónia. Neste momento, no entanto, parece quase impossível quebrar o ritmo de La La Land.

Não seriam os Óscares sem surpresas, e a maior é claramente a exclusão de Amy Adams da categoria de melhor actriz pela sua empática e sensível performance em Arrival. Surpreende porque o filme é amado pela Academia e porque Adams, para além de ter tido um ano em grande, é alguém de quem a Academia gosta, tendo-a nomeado cinco vezes no passado. Soa a injustiça e e ela até é caucasiana. Será que a Academia tem algo contra as ruivas? Nem por isso, visto que Isabel Huppert aparece nas nomeadas; no entanto, o nome inesperado entre as actrizes é o de Ruth Negga, em Loving, de Jeff Nichols. A segunda grande surpresa é Mel Gibson estar entre os nomeados para melhor realizador, por Hacksaw Ridge. Depois de quase dez anos de travessia no deserto, o australiano volta a ser recebido em braços na indústria que o tornou pária depois de uma sucessão de incidentes infelizes que culminaram na famosa detenção por conduzir embriagado que envolveu uma épica tirada anti-semítica. Uma das ironias do ano. Entre outras surpresas mais pequenas, a aparição de Michael Shannon na categoria de actor secundário por Nocturnal Animals é a que se destaca mais, pois até agora nem tinha sido nomeado para qualquer prémio.

O Arte-factos acertou em quase todas as suas previsões (recorda aqui), mas o jogo é outro a partir de agora: já no dia 27 deste mês, o SAG (sindicato de actores) irá anunciar os seus vencedores e a segunda fase da corrida dos Óscares acelerará rumo a Fevereiro. Por agora, ficam as nomeações hoje anunciadas:

Melhor filme
Arrival
Fences
Hacksaw Ridge
Hell Or High Water
Hidden Figures
La La Land
Lion
Manchester By The Sea
Moonlight

Melhor realizador
Arrival – Denis Villeneuve
Hacksaw Ridge – Mel Gibson
La La Land – Damien Chazelle
Manchester By The Sea – Kenneth Lonegan
Moonlight – Barry Jenkins

Melhor actriz
Isabelle Huppert – Elle
Ruth Negga – Loving
Natalie Portman – Jackie
Emma Stone – La La Land
Meryl Streep – Florence Foster Jenkins

Melhor actriz secundária
Viola Davis – Fences
Naomie Harris – Moonlight
Nicole Kidman – Lion
Octavia Spencer – Hidden Figures
Michelle Williams – Manchester By The Sea

Melhor actor
Casey Affleck – Manchester By The Sea
Andrew Garfield – Hacksaw Ridge
Ryan Gosling – La La Land
Viggo Mortensen – Captain Fantastic
Denzel Washington – Fences

Melhor actor secundário
Mahershala Ali – Moonlight
Jeff Bridges – Hell Or High Water
Lucas Hedges – Manchester By The Sea
Dev Patel – Lion
Michael Shannon – Nocturnal Animals

Melhor filme de animação
Kubo And The Two Strings
Moana
My Life As A Zucchini
The Red Turtle
Zootopia

Melhor fotografia
Arrival
La La Land
Lion
Moonlight
Silence

Melhor guarda-roupa
Allied
Fantastic Beasts And Where To Find Them
Florence Foster Jenkins
Jackie
La La Land

Melhor documentário
Fire At Sea
I Am Not Your Negro
Life, Animated
O.J.: Made In America
13th

Melhor curta-metragem documental
Extremis
4.1 Miles
Joe’s Violin
Watani: My Homeland
The White Helmets

Melhor montagem
Arrival
Hacksaw Ridge
Hell Or High Water
La La Land
Moonlight

Melhor filme estrangeiro
Land Of Mine – Denmark
A Man Called Ove – Sweden
The Salesman – Iran
Tanna – Australia
Toni Erdmann – Germany

Melhor caracterização
A Man Called Ove
Star Trek Beyond
Suicide Squad

Melhor banda sonora
Jackie – Mica Levi
La La Land – Justin Hurwitz
Lion – Dustin O’Halloran And Hauschka
Moonlight – Nicholas Britell
Passengers – Thomas Newman

Melhor canção
Audition (The Fools Who Dream) – La La Land
Can’t Stop The Feeling – Trolls
City Of Stars – La La Land
The Empty Chair – Jim: The James Foley Story
How Far I’ll Go – Moana

Melhor cenografia
Arrival
Fantastic Beasts And Where To Find Them
Hail, Caesar!
La La Land
Passengers

Melhor curta-metragem de animação
Blind Vaysha
Borrowed Time
Pear Cider And Cigarettes
Pearl
Piper

Melhor curta-metragem
Ennemis Intérieurs
La Femme Et Le Tgv
Silent Nights
Sing
Timecode

Melhor edição de som
Arrival
Deepwater Horizon
Hacksaw Ridge
La La Land
Sully

Melhor mistura de som
Arrival
Hacksaw Ridge
La La Land
ogue One: A Star Wars Story
13 Hours: The Secret Soldiers Of Benghazi

Melhores efeitos visuais
Deepwater Horizon
Doctor Strange
The Jungle Book
Kubo And The Two Strings
Rogue One: A Star Wars Story

Melhor argumento adaptado
Arrival
Fences
Hidden Figures
Lion
Moonlight

Melhor argumento original
Hell Or High Water
La La Land
The Lobster
Manchester By The Sea
20th Century Women


sobre o autor

Bruno Ricardo

Partilha com os teus amigos