Johan Rodrigues

Park
2016 | Edição de Autor | Acústico, Pop

Partilha com os teus amigos

Park” é o novo EP de Johan Rodrigues e um trabalho que marca o percurso do músico nos últimos dois anos de viagem desde a ilha da Madeira à Suécia. A primeira canção com o mesmo título Park é uma ode à pequena vila onde cresceu na Madeira, chamada Monte, e após uma passagem por Lisboa, onde escreveu Elephant Song foi já na Suécia que concluiu este disco com The Lake. Podem ler em baixo mais em detalhes as palavras de Johan sobre cada uma destas músicas.

#1 Park

Esta foi uma das últimas canções que escrevi na ilha da Madeira. Assim como um outro tema Sail Away, a Park é uma canção de despedida do sítio e das pessoas com quem convivi na ilha. Os violinos da Maria Grig acrescentaram algum drama e dimensão que achei que a canção precisava. A Maria é uma violinista residente em São Petersburgo com quem trabalhei no Ep anterior Coast e que colaborou também em outros dois temas deste novo trabalho, Elephant Song Here We Go.

#2 Here We Go

Comecei por criar uma simples melodia de xilofone que se repete do início ao fim e depois fui adicionando os restantes elementos até o tema ficar concluído. A braguinha que é um instrumento tradicional madeirense encaixou muito bem e foi gravada pelo meu amigo Evandro Amaro. Curiosamente a primeira demo da Here We Go era muito mais rock mas com o tempo foi se distanciando dessa ideia e tornou-se numa espécie de folk dancável.. pop?

#3 Elephant Song

Para mim a melodia de uma canção é o mais importante. Talvez influenciado um pouco pelos discos dos Abba da minha mãe que se ouviam lá em casa quando era miúdo, desde que comecei a escrever canções sempre tive o interesse em criar melodias que ficassem no ouvido. Para este tema queria um refrão que criasse esse efeito e em que o texto fosse directo e com uma mensagem positiva.

#4 The Lake

Tinha um rascunho desta canção há já algum tempo e muitos dos elementos que estão nesta versão final são de uma primeira demo que gravei numa viagem à Suécia. Não quis fazer muitas alterações aos arranjos dessa versão inicial pois achei que estava muito no espírito das restantes canções do Ep. Tive também a ajuda do meu amigo Richard Matos nas teclas. É a canção ideal para finalizar este trabalho que comecei na Madeira e que terminei aqui bem mais a norte inspirado pelas pessoas novas que conheci e por uma natureza que muito tenho ainda por descobrir.


sobre o autor

Arte-Factos

A Arte-Factos é uma revista online fundada em Abril de 2010 por um grupo de jovens interessados em cultura.

(Ver mais artigos)

Partilha com os teus amigos