MENUMENU

Indignu

Fetus in Fetu
2010 | Honeysound | Post-Rock

Partilha com os teus amigos

Fetus in Fetu marca o regresso dos Indignu aos álbuns após o lançamento do EP Manifesto Anormal do Fundamento, corria o ano de 2007.

A banda barcelense composta por Afonso Dorido (guitarra / voz / melódica), Jimmy (Guitarra / Voz / Xilofone / Orgão Vintage / Kazoo), Mateus (Baixo / Piano) e Ketas (Bateria) lança então este ano o seu primeiro longa duração e nota-se que depois de 3 anos existe uma certa viragem no som da banda em relação ao que tinham mostrado no seu EP de estreia, não é um corte com o passado, é uma evolução natural de uma banda que procura e reclama o seu espaço na música. Desde o título do álbum, até à sua capa frontal, tudo grita crescimento no que há banda diz respeito, como que de uma metáfora se tratasse, e nos preparasse para o que estamos prestes a ouvir, ou então num sentido mais literal, o do nascimento de um álbum, de estreia ainda para mais.

Apoiados num pós-rock, os Indignu fazem questão de nos passar as suas mensagens em português, e embora as vocalizações ao longo do álbum não sejam em abundância, sempre que as há, servem para dar mais força e sentido à música, mostrando-nos inclusive o lado mais contestatário da banda, como se fossem palavras de ordem que devessem ser ouvidas, de alguém que não se conforma e luta sempre pelos seus ideais, pelo que acha melhor e mais justo.

Desta forma, não é também de estranhar que uma das faixas com mais destaque no álbum seja a Duzentas Promessas Para Um Mundo Melhor, que tem a participação de Nuno Rancho na voz e cuja letra foi escrita por Valter Hugo Mãe, não só por isto a música ganha algum destaque, mas também em termos instrumentais os Indignu conseguem explanar todo o seu experimentalismo e talento.

Durante cerca de 50 minutos a banda leva-nos numa viagem repleta de texturas sonoras marcadas pelo rock, e cujo o destino é apenas um, o nascimento deste Fetus in Fetu.


sobre o autor

Hugo Rodrigues

Multi-tasker no Arte-Factos. Ex-Director de Informação no Offbeatz e Ex-Spammer na Nervos. Disse coisas e passou música no programa Contrabando da Rádio Zero. (Ver mais artigos)

Partilha com os teus amigos